Quarto vira sala/escritório cheio de aconchego

28 ago 2015 — por Bárbara Resende

Um dos sites de decoração que mais amo é o One Kings Lane, que na verdade é uma loja com achados especiais vendidos por um tempo limitado, em campanhas. Uma das fundadoras, Susan Feldman, acabou de decorar um cômodo da casa que ela usava como escritório antes do One Kings Lane ganhar uma sede própria (a loja foi criada em 2009). Bem sem graça, o quarto tinha um sofá pedindo para ser trocado e uma mesinha com tampo de vidro que ela usava para trabalhar: “Para ser legal, o cômodo era um desastre”, admite. Com a ajuda do gerente de projetos da própria empresa, Alex Reid, o quarto foi todo repaginado e o resultado é uma sala/escritório que é puro aconchego e estilo!

living-gazette-barbara-resende-decor-sala-escritorio-one-kings-lane

A dupla de estantes emolduram o sofá, tudo em azul marinho, sofisticado e discreto. Para decorar a estante, ela misturou texturas, coleções, formas e tamanhos diferentes. O sofá e as estantes foram feitos sob medida para encaixarem perfeitamente no espaço

living-gazette-barbara-resende-decor-sala-escritorio-one-kings-lane-escrivaninha-antiga

Para tirar aquele visual de escritório, a mesa e a cadeira escolhida são antigas e charmosas (e eu estou enlouquecida por elas!)

living-gazette-barbara-resende-decor-sala-escritorio-one-kings-lane-mural-inspiracao

O mural de inspiração ocupa boa parte de uma parede e ganha destaque na decoração. Um detalhe super interessante é a pequena prateleira de acrílico, quase imperceptível, ali no meio do mural! O garden seat super estampado traz cor a cartela neutra do quarto (tons de bege e azul marinho) e os tapetes em camada, de texturas diferentes, deixam tudo mais interessante

É bem isso que ando querendo para o meu home office: um apelo mais de casa, de aconchego mesmo, sem mobília de escritório sabe? Eu adoro a minha mesa, branca, grande mas ainda desejo muito uma escrivaninha antiga, talvez não para colocar no meu escritório, mas sim em algum outro canto da casa, como um segundo espaço para trabalhar. Separei essas ideias para mostrar como fica muito mais charmoso, sem cara de trabalho, algo assim!

living-gazette-barbara-resende-decor-sala-escritorio-escrivaninha-antiga

 

Realmente, eu precisaria de várias casas ou muiiitos cômodos para ter todos os estilos, ideias e referências que eu quero! Mas essa eu não deixo passar: eu tenho uma escrivaninha azul bem clara no meu quarto que vai se mudar já já!

Riqueza: Lilly Sarti verão 2016

27 ago 2015 — por Bárbara Resende

living-gazette-barbara-resende-moda-lancamento-colecao-lilly-sarti-verao-2016

Fazia um tempo que não me impressionava tanto com um catálogo como o da Lilly Sarti, que chegou há uns dias aqui em casa. De capa dura, com detalhes em dourado metalizado, parecia um livro. E página após página fui ficando cada vez mais maravilhada com a coleção de verão 2016 que, não nego, não dei muita atenção nas passarelas d. Peças, estampas e cores fora do lugar comum, tudo muito chique, muito lindo. E Carol Ribeiro deu ainda mais simpatia às fotos. Quero ser rica e trazer tudo pra casa!

living-gazette-barbara-resende-moda-lancamento-colecao-lilly-sarti-verao-2016-catalogo

Como lidar com essas estampas maravilhosas, esse brilho sutil, sofisticado? E ainda tem mais: o lookbook mostra várias outras opções e alguns truques para tentar roubar!

 

 

living-gazette-barbara-resende-moda-lancamento-colecao-lilly-sarti-verao-2016-lookbook

Adorei a combinação de cores, inusitada, rica, linda! Para querer deixar os looks básicos do dia-a-dia de lado!

A grife Lilly Sarti vende online no OQVestir, Shop2gther e Stylight

Décor do dia: lavanderia

25 ago 2015 — por Bárbara Resende

Não me lembro de ter colocado alguma lavanderia aqui no blog: um espaço geralmente esquecido na casa (a minha está levemente uma zona!) e até difícil de imaginar como sair do básico e deixá-la charmosa. Mas essa foto mostra bem como dar um jeito nessa área tão importante da casa!

living-gazette-barbara-resende-decor-lavanderia-verde-agua-branco

A começar pela cor, que traz suavidade, leveza com branco, detalhes em marrom (no piso e na bancada de granito) e verde água – que tom lindo! O espaço é pequeno mas foi muito bem aproveitado: de um lado, uma bancada com pia (no exterior não tem essa de tanque, é pia mesmo) e armários; do outro, as máquinas de lavar e secar, com armários no alto. Para moldar à nossa realidade com os varais, o ideal é não ter os armários acima da bancada da pia e ali colocar o varal. A porta com vidros (amo!) dá claridade e charme, assim como o piso. A caminha do cachorro está em sintonia com as cores do espaço.

Não é para querer ter uma lavanderia assim em casa?

Shopping: sapatos com salto bloco

24 ago 2015 — por Bárbara Resende

No final do ano passado passou uma maratona do filme As patricinhas de Beverly Hills e eu não perdi uma reprise, já que sempre adorei o figurino. Mas dessa vez uma peça não me saiu da cabeça: o sapato estilo boneca prata que a Cher usa, no teste de direção. O salto bloco foi super comum nos anos 90 e tenho saudades pois te tira um pouco do chão mas sem tirar o conforto. Mas andava sumido e era difícil encontrar algum modelo legal. Mas agora, finalmente, ficou mais fácil: Chanel deu o start na volta desse salto com a coleção de inverno desfilada em março e agora várias marcas criaram os seus modelos. Aqui uma seleção bacana, alguns com preços super convidativos, para deixar um pouco a sapatilha de lado sem sofrer!

Acho uma graça! Deu ainda mais saudade dos anos 90!

Férias!

20 ago 2015 — por Bárbara Resende

living-gazette-barbara-resende-lifestyle-ferias

Quem trabalha por conta própria sabe como é difícil tirar férias de verdade: ano passado eu ignorei esse direito e esse ano estava prestes a fazer isso de novo. Mas aí veio uma oportunidade: meus tios me convidaram para viajar com eles para a Alemanha e França. Eu estava aqui reiniciando a reforma na sala, pensei muito, parei tudo e aqui estou eu, embarcando para 20 dias (!) de viagem. O roteiro ainda nem sabemos, só a cidade de chegada e partida.

No fundo, eu precisava muito de um respiro, uma folga da rotina e nada melhor que uma viagem para isso. Estou lendo um livro super conhecido, O poder do hábito, e nossa, como ele faz a gente prestar atenção no que fazemos no automático! Após algumas páginas percebi como a gente vicia nós mesmos e eu cansei disso: de usar as mesmas roupas, o mesmo corte de cabelo, fazer as mesmas coisas. E essa viagem veio bem nesse momento que preciso de uma motivação extra para fazer alguma mudança acontecer. Chega né, de fazer as mesmas coisas e esperar resultados diferentes.

Durante esses dias, o blog estará atualizado e espero que a internet por lá seja generosa comigo (sempre sofro com internet de hotel!) para eu postar a viagem em tempo real e incrementar o conteúdo aqui. De qualquer forma, meu instagram (@livinggazette) estará bem atualizado mostrando um pouco dessa jornada!

Au revoir!